Big data: a importância da análise de dados para empresas

31 de agosto de 2018 | 6 meses atrás | Tempo de leitura: 5 minutos

A análise de dados não é novidade no mundo corporativo e dos negócios. Sem ela, é difícil entender a fundo as características e posição de uma empresa no mercado. Nesse contexto, o Big Data pode ser considerado um dos elementos mais importantes na hora de tomar decisões para melhorar resultados, relacionamento com o cliente e planejamento estratégico.

O número de empresas que investem em ferramentas como Big Data e metodologias como Business Intelligence aumenta a cada dia. Esse conjunto de conceitos e metodologias é capaz de otimizar processos e evitar riscos, possibilitando maior assertividade e segurança nos planos de ação.

Como o Big Data auxilia na tomada de decisão?

O Big Data é um conjunto de dados gerados de forma contínua. No entanto, sem sua interpretação e combinação, nenhuma informação muito relevante será localizada. Os softwares de análise inteligente por trás desse processo são capazes de trazer informações mais claras, mudando a maneira que empresas enxergam os problemas, para alcançar soluções mais eficientes.

Com base nessas informações objetivas podem surgir insights relevantes, que proporcionam uma vantagem na competitividade e na hora de tomar decisões importantes.  

Inteligência artificial, machine learning e a análise de dados empresariais

Apesar de existirem muitas empresas investindo no campo de análise de dados visando a melhora de resultados e de esse número aumentar a cada dia, ainda há lugares onde sua má estruturação e análise são problemas.

No entanto, com a ajuda de machine learning e inteligência artificial (IA) esses problemas podem ser solucionados.

A inteligência artificial tem a capacidade de mimetizar as habilidades humanas. O machine learning, por sua vez, é uma vertente da inteligência artificial. Aqui no site, já abordamos questões relacionadas a  IA, e você pode ler mais sobre esse tema aqui.

O machine learning utiliza códigos para realizar uma varredura em grandes quantidades de dados, buscando padrões. Nada mais é do que um método de análise de dados capaz de automatizar a elaboração de modelos analíticos. Esse ramo da IA é baseado no conceito de que sistemas podem aprender com os dados, além de identificar padrões e tomar decisões.

Parece simples, não?!

Não! Aprender é uma capacidade humana e, para chegar próximo das variações e quantidade de dados que nossa mente consegue processar de maneira intuitiva, as máquinas precisam acessar e analisar uma quantidade enorme de informação, como o Big Data.

Em nossa mente, após uma realizarmos uma tentativa sem sucesso, o raciocínio e criatividade entram em ação para buscar alternativas, e o machine learning também se baseia nesse princípio.

No machine learning, a IA é utilizada para ensinar os algoritmos, possibilitando a análise de dados e permitindo que, com base nessa análise, o computador crie insights e soluções previamente não ensinadas a ele.

Ao usar algoritmos para construir modelos que revelam informações importantes, as empresas podem tomar decisões melhores.

Plataformas de machine learning

Algumas plataformas de machine learning ficaram conhecidas mundialmente, como o Watson, da IBM.

O Watson é uma plataforma de serviços cognitivos da IBM criada visando o auxílio para profissionais e empresas construírem sistemas cognitivos.

Lançado em 2007, atualmente possui diferentes serviços, como reconhecimento e análise de vídeos e imagem e criação de assistentes virtuais.

A brasileira Totvs também entrou no mercado de inteligência artificial e lançou “Carol”, em 2017. A plataforma surgiu por conta do risco de empresas tomarem decisões baseadas em intuições ou em relatórios de resultados mensais, apenas.

Para ajudar as empresas a melhorar sua performance, a plataforma extrai informações importantes ao analisar os dados armazenados, otimizando assim a tomada de decisões.

As máquinas inteligentes já fazem parte do nosso dia a dia no trabalho e são capazes de facilitar o armazenamento e análise de dados. Em um cenário onde o uso de machine learning e inteligência artificial para análise de big data crescem a cada dia e ganham importância, é imprescindível o investimento nessas tecnologias para embasar as decisões no que tange à melhoria de resultados, relacionamento e planejamento no âmbito empresarial.